O que nos resta é o essencial

Em momentos de reclusão e isolamento impostos por ações externas a nossa vontade (Guerras, Doenças, Pandemias, etc) nos encontramos em uma pausa forçada. Quando tudo desacelera e permite este encontro, nos voltamos aos pensamentos que realmente tem valor. Repensamos o que sempre valorizamos e questionamos a importância que demos a fatos que agora nos parecem irrelevantes.

Há momentos em que temos que realizar algum exame, adoecemos e ficamos tristes por deixarmos “de lado” nossos afazeres.

Pausas forçadas…

Porém, a vida nos “interrompe” muitas vezes e de muitas maneiras.

Aprendemos uma lição destes raros “momentos”: é que aquilo que é essencial encontra sua voz quando a alma silencia. Como as ondas de rádio AM/FM, esta voz está sempre presente, mas é discreta serena e sutil. Ela tem algo a nos dizer. Um rumo a nos redirecionar.

É a voz que te fará dar o próximo passo e que pode ressignificar tudo o que você já viveu.

O que esta voz está lhe dizendo agora?

O que ela está lhe convidando a fazer ou resgatar em 2021?

Se você prestar atenção, poderá ouvi-la.

E isso fará toda a diferença!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>